O que é humanização de marca e porque você deveria investir nisso

Atualmente, automatizar processos requer o uso de muitos “robôs”, o que pode deixar a comunicação com o cliente mais “mecânico”. Se realizar processos automáticos é vantajoso para a empresa, a humanização de marca precisa ser pensada junto.

Algo que você lerá muito pela internet é que ninguém gosta de conversar com robôs. E é verdade. Mas é quase impossível não usar esse recurso hoje em dia. São muitas vantagens que ela traz. 

Ao mesmo tempo, a empresa fica à mercê de receber reclamações sobre atendimentos padrões que não atendem às necessidades dos usuários. 

Por isso, a humanização da marca se torna uma saída viável. Mas é preciso saber fazer. E muito mais: entender o que é esse conceito. 

O que é a humanização de marca?

Se fosse falar em poucas palavras, humanização da marca é a forma de aproximar empresa e cliente por meio de tratamento humano. 

Mas seria um pouco vago. Por isso, usando mais palavras, trata-se de uma estratégia que faz com que o tipo de comunicação da empresa seja a mais próxima de seu público-alvo. E isso passa por diversos fatores.

A linguagem, o tipo de abordagem, os melhores canais para se fazer esse diálogo, enfim. São fatores que passam por um conceito de branding marketing a estratégias de gestão

O que é necessário entender, agora, é que o seu produto e o seu serviço não podem ser vendidos – e a sua empresa se comunicar com o seu cliente – de maneira automática sem estar próximo dele.

E motivos não faltam para que você comece isso já!  

4 motivos para investir na humanização de marca para 2022

Essa estratégia não dá certo à toa. Na verdade, existem alguns bons benefícios que geralmente recaem sobre o crescimento do próprio negócio. 

Mas veja outros 4 bons motivos para que você invista agora mesmo na humanização da marca de sua empresa. 

Aproxima do público

Quando o seu cliente vê sua marca agindo como um humano, ou melhor, como ele, há o surgimento de uma identificação. 

Estar nas redes sociais é importante, mas não basta, por exemplo. A forma como você interage, a linguagem que você utiliza são fundamentais e isso fará com que o cliente se sinta igual a você. 

O resultado pode ser os outros motivos a seguir.  

Faz sua marca ser lembrada

Ao ler os exemplos de marcas humanizadas a seguir, é possível que você conheça todas. Não só porque são empresas bem famosas. Mas porque elas se humanizam e se comunicam com o seu público.

O melhor desse motivo é que essa lembrança é boa, positiva mesmo. Para dar spoiler de um dos exemplos a seguir, pense na Netflix. Se você usa as redes sociais, principalmente o Twitter, já viu alguma “gracinha” do streaming por lá. 

E se divertiu, porque a marca é mesmo divertida por lá. 

Você pode ter certeza de que essa experiência da marca nas redes sociais da empresa a fazem ser lembrada. Pelo menos, aqui foi.  

Cria valor a sua empresa

Um dos caminhos para a humanização da marca é criar vínculo com causas e valores com determinado assunto social. 

Assuntos como racismo e machismo, por exemplo, são frequentemente usados como pautas a serem combatidas pelas marcas, não só porque dá engajamento. Mas é porque o público espera isso. 

Esses valores são facilmente associados a comportamentos humanos, então, é claro que é um óbvio posicionamento quando você quer se aproximar do seu público. 

Basta, no entanto, não entrar em controvérsias. Política, religião e futebol são assuntos tabus e, a não ser que trabalhe com um público muito específico, é bom dizer que você é campeão brasileiro em 2021 só entre amigos mesmo. 

Fideliza 

Aqui há um motivo óbvio. Se o público que já consome com você está engajado com a forma que sua empresa se comunica com ele e gosta da maneira que se expressa na internet, por exemplo, ele tem muitas chances de voltar a comprar com a sua marca.

Não só. Ele será, quem sabe, um porta-voz de seus produtos e serviços. 

Exemplos de sucesso de humanização de marca

Viu por que você precisa ter uma marca humanizada? Se esses 4 motivos não foram o bastante, veja umas “provas sociais” a favor do tema.

Netflix

A primeira marca talvez a mais famosa nesse assunto e que já foi abordada por aqui. A Netflix já falou que é “menina” na hora de empregar o artigo de gênero, debochou de seguidores no Twitter – com leveza – e até fez piada com as principais reclamações de seus espectadores. 

Tudo isso pode ser traduzido com o bom humor que a Netflix emprega em suas redes sociais que, claro, não é o único canal que ela utiliza para se expressar, mas que já é uma ferramenta poderosa para se tornar uma marca poderosa. 

Coca-cola

Antes mesmo de se pensar na internet, lá estava a Coca-Cola empregando a humanização de sua marca.

A empresa de bebidas é um belo exemplo de como a humanização da marca não está reduzida a internet. 

Suas propagandas conseguem empregar os valores que a empresa assume para si. Pode-se perceber que eles seguem uma linha de bem-estar, leveza, família e diversidade, por exemplo. 

E olha que a marca tem um posicionamento bem diferente da Netflix por exemplo, nas redes sociais. Então, sim, dá para fazer isso não só focado na web – mas nunca se esqueça dela! 

Magazine Luiza

Aqui outro exemplo famoso e talvez o maior do Brasil. A Magazine Luiza conseguiu humanizar tanto a sua marca que já tem até apelido, Magalu. 

Ao entrar no site da gigante do varejo, você já tem uma intimidade com a frase “Magazine Luiza. Pra você é Magalu”. 

Isso aproxima, com certeza!

Sem falar da carismática Lu, a “influencer digital” completamente virtual! É um exemplo para quem tem recursos, mas a linguagem, a abordagem… tudo pode servir de inspiração para quem está começando!

Posto tudo isso, ficou bem claro de saber como humanizar sua marca, certo? 

Depois disso e com as estratégias certas, prepara-se para vender muito. E quando crescer, prepare-se para emitir muitas notas. 

Nessa parte, não precisa de humanização de marca, mas sim de automatização de processo. E nesse assunto, você deve conhecer o emissor da eNotas. Visite a página e conheça como ter um recurso mágico será uma salvação na sua gestão de notas.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.